Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

ponto de admiração

ponto de admiração

21
Nov08

desertificar

Paola

  da Internet

 

dunas de água

 

 
Grandes são os desertos! No deserto os mares são de areia. As ondas são dunas esmurradas pelo vento. E o vento cospe, nos olhos dos incautos caminhantes, imensidades desabrigadas. E a mentira espalha-se por pungentes e desagasalhadas miragens. Mentiras multiplicadas na escassez da precipitação. No deserto estendem-se erosões eólicas, com espaço para chorar. Gritam-se heresias e abrem-se caminhos para o senhor passar. Pregando na solidão. Rezando a ignorância do seu sermão.
 
Grandes são os desertos! Porém, Santo António escolheu os peixes porque tinha o mar. Ouviram sem falar. Escutaram aplausos e admoestações, os peixes. Mas o pregador não percebeu a presença dos roncadores. Que peixes tão pequenos fossem estrondos ásperos no mar. E existem, sim. O Santo estranhava a ausência de peixes no deserto. São serpentes, cobras e lagartos. E muitos roedores. E porque têm muito calor, desfiguram-se no areeiro. À noite, esguicham das tocas e embebedam-se ao luar.
 
Grandes são os desertos! O vento expulsa as nuvens e dá o lugar ao Sol. Para que ele fervilhe com mais violência. E muita claridade. Corrompe a verdade e institui a sede como genuína. Reflecte desejos e poças de água no chão. E as almas errantes desnudam-se em decepções perturbadoras. A miragem diz que não, prefere falar em ilusão. Sonegando a desilusão.
 
Grandes são os desertos! Por isso, um rio acontece prodigiosamente. Águas sossegadas alvoroçam-se persistentemente na busca do mar. Tudo numa alegre romaria. Com aromas exóticos e areias coloridas. Canela afrodisíaca. Muita. Aromática e com propriedades antidiarreicas. Cuida de úlceras e ajuda a refrear a diabetes. Virtudes num deserto sem mar, mas pródigo em sermões.
 
Grandes são os desertos, e tudo é deserto.
 
(A.Campos/F.Pessoa)
 

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Se escrevo o que sinto é porque assim diminuo a febre de sentir. O que confesso não tem importância, pois nada tem importância. Faço paisagens com o que sinto. [Fernando Pessoa]

Arquivo

  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2021
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2020
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2019
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2018
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2017
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2016
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2015
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2014
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2013
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2012
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2011
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2010
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2009
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D
  183. 2008
  184. J
  185. F
  186. M
  187. A
  188. M
  189. J
  190. J
  191. A
  192. S
  193. O
  194. N
  195. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub